SEVILHA CAMPEÃO DA LIGA EUROPA.

Sevilla vence Inter de Milão por 3 a 2 e conquista hexa da Liga Europa

Brasileiro Diego Carlos vai de vilão a herói e garante título espanhol

Por Maurício Costa – Repórter da Rádio Nacional – Rio de Janeiro

O Sevilla conquistou o hexacampeonato da Liga Europa, nesta sexta-feira (21), ao derrotar a Inter de Milão por 3 a 2 em partida disputada em Colônia (Alemanha). O time espanhol é o maior vencedor da história da competição, e levantou mais uma taça após um confronto com um primeiro tempo frenético, e o gol do título saindo dos pés de um brasileiro que tinha tudo para ser o vilão da final, mas acabou saindo como herói.

O torcedor que se atrasou para ligar a televisão perdeu o primeiro gol da partida. Logo aos dois minutos, após chute de Fernando que explodiu na defesa da Inter, o time italiano saiu em rápido contra-ataque. Lukaku recebeu passe, ganhou a disputa com Diego Carlos e foi derrubado dentro da área pelo brasileiro. Pênalti que o belga cobrou forte no canto direito do goleiro Bono para abrir o placar.

Não deu tempo de a Inter comemorar. Aos 11 minutos veio o empate do Sevilla. Navas avançou pela direita e cruzou na medida para De Jong cabecear. Handanovic ainda tentou a defesa, mas a bola acabou no fundo do gol.

Quando parecia que a temperatura do jogo ia diminuir, o Sevilla tratou de botar fogo na partida. Aos 32 minutos, Banega cobrou falta da intermediária e jogou na área adversária. De Jong apareceu no meio da zaga italiana para, novamente, cabecear e encobrir o goleiro Handanovic. Era a virada do time espanhol. Dois minutos depois, a Inter de Milão respondeu. Nova falta pela direita que Brozovic bateu na cabeça de Godín para empatar o marcador.

O jogo foi bastante equilibrado no segundo tempo, e as chances de gol eram alternadas. Até que, aos 28 minutos, veio a jogada do título. O gol da redenção. Depois de cometer pênalti no início da partida, Diego Carlos definiu a sexta conquista do Sevilla. Falta pela direita cobrada para a entrada da área. A defesa tentou afastar, a bola subiu e, na descida, o zagueiro brasileiro emendou uma linda bicicleta. Apesar da bonita finalização, a bola iria para fora. Contudo, Lukaku acabou desviando contra a própria meta e decretou a vitória espanhola.

A Inter quase empatou novamente, aos 36 minutos. Bola na área do Sevilla que sobrou para o chileno Alexis Sánchez, que não acertou como queria, mas só não marcou porque Koundé salvou o gol em cima da linha. Apesar do esforço dos italianos no fim, o Sevilla conseguiu controlar bem o ímpeto adversário e confirmou seu sexto título da Liga Europa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *