A DOLOROSA PERDA DE UM ENTE QUERIDO

Estou sem palavras e muito triste com a partida repentina de minha prima Elaine de Mauro Ongaro, na madrugada desta quarta-feira 15 de abril.

Creio que Deus precisava de uma pessoa como ela para ajudá-lo. Sempre com o sorriso estampado nos lábios. Ela animava a todos, uma pessoa extraordinária que buscava sempre a alegria. Uma filha, e mãe de família exemplar e maravilhosa. Cuidou de sua mãe até não poder mais, fazendo o que podia e não podia para salvar sua mãe, minha querida tia Elza, mas não obteve sucesso. 

Deixou de cuidar de sua saúde para cuidar da mãe, e infelizmente nesta madrugada ela que foi embora, após quase oito meses que sua mãe partiu. 

Minha prima amada deixa o seu esposo Luigi Ongaro, a filha Flávia, seu irmão Eduardo de Mauro, seu pai idoso Élio de Mauro e todos nós da família que a amávamos tanto. 

Uma homenagem de sua prima Nívea, e de toda sua família Lê, a guerreira que agora, mesmo que a gente não aceite vai estar em um lugar muito melhor. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *