COMITÊ POPULAR SUGERE AÇÕES DE COMBATE AO COVID-19 AO PREFEITO.

COMITÊ POPULAR

Encaminhamentos de ações preventivas quanto ao COVID-19

Ao Ministério Público, a Secretaria Municipal da Saúde, a Câmara Municipal de Guarulhos, ao Conselho Municipal de Saúde, a Prefeitura de Guarulhos.

No dia 19 de março de 2020 às 21h foi realizado na Paróquia Santo Antônio dos Pimentas em Guarulhos/ SP um Comitê Popular em favor da saúde preventiva para propor medidas de ações para a cidade de Guarulhos com relação ao problema do Vírus COVID – 19.

Estiveram presentes as seguintes personalidades: Padre Bruno Otenio – assessor da Pastoral Diocesana da Saúde e Conselheiro Municipal de Saúde, Rosália dos Santos Lima – Enfermeira e representante do movimento popular pimentas, Rodrigo Tavares – prefeiturável, Adriana Afonso – prefeiturável e assessoria, Edir Kleber Bõas Gonzaga – Conselheiro Coren-SP, Elenildo Queiróz – Vice-presidente do Conselho Municipal de Saúde.

Foram convidados: Elói Pietá – prefeiturável, Rogério de Oliveira – ex-presidente do CMS e Sindicato dos Trabalhadores, Prefeitura de Guarulhos, Líder de governo Vereador Eduardo Carneiro, Zé Mario – Secretário de Saúde, Fran Correia – prefeiturável, Cícero Mossoró – prefeiturável, Alex Bueno – líder popular, Rodrigo Sousa – jornalista da Voz de Guarulhos, pastor Leonardo – movimento Fora da Caixa. Todos estes estiveram ausentes por motivos maiores.

Com a expansão da Contaminação do COVID – 19 no Brasil e aumento de casos positivos, principalmente no Estado de São Paulo, além do Governo Federal declarar estado de Calamidade Pública, nos mobilizamos para atender de forma adequada de acordo com as orientações do Ministério da Saúde.

Guarulhos está comprometido por ter o Aeroporto Internacional de Grande Fluxo, e seus munícipes são expostos ao vírus por ter grande número de trabalhadores morando na cidade.

Propomos as seguintes medidas:

  1. Hospital Geral do Cecap – ficar como referência para receber os casos suspeitos identificados no aeroporto. Ter uma área específica para receber o paciente, diagnosticar e oferecer orientações para cuidados domiciliar.
  2. Hospital Pimentas-Bonsucesso – abrir o antigo pronto socorro para receber exclusivamente os casos suspeitos da comunidade e torna-lo referência dos Pronto Atendimentos próximos (a saber, Dona Luíza, Bonsucesso Alvorada, Maria Dirce e UPA Cumbica), com ambulâncias para transportes.
  3. Região Central: Deixar o Paravent para todos os casos suspeitos do COVID – 19 com referência para internações sem longas esperas pela rede do CROSS.
  4. Hospital Padre Bento e HMU abrirem as portas para outras patologias referenciando os casos de COVID-19 ao Paravent, exceto idosos.
  5. UPAs e PAs centrais – referenciar para o Paravent com ambulâncias.
  6. UPAs, PAs e Hospitais – observar e trainar os fluxos. Fazer diagnóstico e transferir com eficácia os casos graves.
  7. HMCA: deixar o ambulatório para atendimento de crianças com suspeitas de COVID-19.
  8. Ter um Gabinete de Crise funcionando 24h como apoio às unidades de saúde para intermediar as transferências e abastecimentos de insumos e equipamentos.
  9. Informações Diárias ou Boletins Diários sobre o COVID-19 em tempo real de forma eficaz usando dos seguintes meios: Facebook, Instagram, Whatsapp, Telegram, Twitter, em parcerias com as instituições de influência, como: igrejas, religiões, institutos, escolas e universidades etc.
  10. Priorizar ações de prevenções e higienizações nos bairros periféricos.
  11. Convidar representantes da população de diversos setores para compor um Comitê Municipal para medidas e ações preventivas em conjunto. É preciso ações de comunhão e unidade neste momento de crise.

No mesmo dia, o Alex Bueno e Rosália Tchiad, batalhadores pela melhora da saúde de nossa cidade, gravaram um vídeo, já visitando os locais que eles sugeriram para ajudar a conter o avanço do Covid-19 e nada foi feito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *