Crônicas do cotidiano: Alzheimer- Uma história humana, para uma doença desumana

Quase todos os dias, antes de dormir, costumo ler um bom livro (Na minha cabeceira tem Meditações- Marco Aurélio e Mar sem Fim de Amyr Klink) e também assisto filmes ou na Netflix ou no Google Play (Estão precisando incluir novos títulos) e descubro que as vezes há bons filmes por trás de uma capa simples. Este foi o caso de ELLA & JOHN.

Septuagenários, o casal de aposentados Ella (Helen Mirren) e John (Donald Sutherland) decide fazer uma última viagem pelo país, de uma espécie de Van. Desafiando os filhos, preocupados com o estado de saúde dos pais, os dois embarcam numa aventura transformadora que sai de Boston e tem como destino a antiga casa de Ernest Hemingway, na Flórida.

A gente ouve falar tanto da doença Alzheimer e da demência senil e até sabe como ela começa e se manifesta, mas assistindo este filme bom, doce, forte, humano e real, temos uma reflexão sobre a história vivida pelos atores na tela de TV. Que atuações fantásticas também dessas duas grandes lendas.

Assim como nesta ficção e assim como nesta pandemia, todos temos algum familiar ou amigo que perdeu seu ente querido para estas doenças; Ambas fazem vítimas independentemente da faixa etária e ambas são cruéis e esfacelam as famílias. No filme, além de passar a entender melhor como o Alzheimer afeta a pessoa, pois no decorrer do filme, o ator vai se desprendendo da realidade em muitos momentos e a doença se manifesta na mesma velocidade em que, tanto John, quanto Ella, doentes terminais, mas com diferentes diagnósticos, percebem que o destino final da viagem, na verdade pode ser o destino final de ambos.

Assista o filme no canal NETFLIX

Aproveite e visite a Livraria Amazon e adquira o meu livro lançado recentemente, ele está por R$41,00 com frete gratuito.
www.amazon.com.br Autor: Waldir Figueiredo

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *