VEM AÍ O UPA TABOÃO GRAÇAS A LUTA DA POPULAÇÃO.

Fechado desde o mês de dezembro de 2017 sob o pretexto de uma reforma, o PA PARAÍSO, posto de atendimento que era referência em toda cidade já tem data para retomar suas atividades, bastante essencial é a verdade, conforme foi anunciado pela Prefeitura de Guarulhos.

O antigo PA PARAÍSO volta a funcionar como UPA TABOÃO a partir do dia 30 de Junho, mas um fato muito curioso tem chamado a atenção para a terceirização da unidade que, a exemplo de outros importantes equipamentos de saúde da cidade, passará para as mãos de mais um Instituto, o IBDAH-INSTITUTO BRASILEIRO DE DESENVOLVIMENTO DA ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR que já seleciona profissionais para trabalhar em Guarulhos sem que, no entanto, a PREFEITURA DE GUARULHOS tenha sequer publicado o contrato no PORTAL DA TRANSPARÊNCIA.

Mas o que isto quer dizer?

Simples, o IBDAH já fechou contrato com a Prefeitura e o contrato não foi publicado no Portal da Transparência, mas o IBDAH já está contratando profissionais para o UPA TABOÃO.

O que tem chamado a atenção é o fato de até este momento o contrato não ter sido publicado no famoso portal da transparência, tão necessário este portal que permite que os cidadãos de todos os municípios acompanhem o que a administração gasta com seus contratos, com o dinheiro público.

Depois de ter problemas com a compra das máscaras a R$ 6,20, fechado o contrato no valor de mais de 30 milhões para montar a Tenda do Cecap e contratar uma hamburgueria para fornecimento de refeições de 800 mil, para os funcionários terceirados do montador e manutenção da tenda, a Prefeitura tem tomado algumas atitudes que não são consideradas republicanas, usando um termo muito usado hoje, no que diz respeito às suas divulgações de contratos firmados com terceiros.

A poucos dias a mesma administração Guti, divulgou uma contratação que chamou atenção de parte da imprensa da cidade, onde simplesmente erraram o quantitativo de fornecimento de refeições, logo divulgados pelo G7 News de Guarulhos o que foi chamado pelos assessores da administração de FAKE NEWS, mas logo depois a própria Prefeitura publicou uma ERRATA, confirmando o que o G7 News publicou.

Lamentável estes fatos porque de um lado a administração dá publicidade de um contrato com irregularidades, de outro, dias depois reconhece o erro, mas os assessores para mostrarem serviço ao prefeito Guti na realidade mostram um desserviço à população.

Casos como este e do contrato da Iluminação Pública no valor de mais de 600 milhões e que está suspenso pela Justiça, deixam uma impressão muito ruim para a administração.

Isto sem lembrar do famoso “cheque em branco”.

Também deve ser lembrado nesta abertura do UPA TABÃO da luta da Comissão de moradores da região que na época reuniram mais de 11 mil assinaturas para a reabertura do PA Alvorada com o apoio integral do então Secretário de Governo Paulo Carvalho que não mediu esforços para atender esta reivindicação dos moradores do Taboão.

A Comissão era composta de líderes religiosos, líderes de associações de moradores, conselheiros/as gestores da saúde.

A população reivindicou seus direitos e o prefeito Guti teve que atender esta pressão dos moradores da região do Taboão.

Claro que na inauguração irão aparecer muitos pais desta criança, mas todos sabem da luta desses moradores para retornar esta unidade básica de saúde que havia sido fechada pela atual gestão.

Bem, mas vamos em frente, porque atrás vem gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *